by
Nicole Torres
05
06
de
February
September
de
2019
2019

Sites ou aplicativos: o que é melhor para a minha empresa?

Segundo dados do IBGE, 94,6% das pessoas com acesso à internet no Brasil afirmam utilizar algum dispositivo móvel para navegar em seu dia a dia, fato que demonstra como as oportunidades de negócios estão cada vez mais presentes nesses meios.

Nesse cenário, muitos empreendedores ainda nos indagam sobre o que valeria mais a pena para captar e fidelizar novos consumidores: sites com tecnologia responsiva ou aplicativos para Android e IOS.

A resposta varia muito de acordo com o perfil de cada marca e da respectiva operação por trás dela, por isso separei algumas dicas básicas para que você não erre na hora de fazer o seu investimento!

Como e quando investir em um site?

Manter um website em pleno funcionamento é indispensável para qualquer empresa que queira ter relevância nos dias atuais.

Por meio de uma página na web, você pode criar um verdadeiro cartão de visitas com todas as informações relevantes sobre o seu negócio, que podem ser acessadas pelo seu público a qualquer dia e a qualquer hora.

Mais que estabelecer um espaço para que as pessoas interessadas nas suas soluções possam lhe encontrar, um site ainda funciona como uma poderosa ferramenta comercial para a captação de leads, seja por meio de soluções como formulários ou até na manutenção de newsletters, a fim de identificar futuros clientes e novas oportunidades de crescimento!

Em média, um site é mais barato que um aplicativo. Além disso, seu uso não requer downloads e pode ser personalizado para diversas finalidades.

Apesar de todas essas vantagens, a necessidade de um browser pode limitar as funções de um bom website, sem falar que os esforços para acessar um domínio muitas vezes não condizem com a praticidade do meio mobile.

Tenha em mente que não adianta investir em um site sem tecnologia responsiva e que, mesmo assim, sua prioridade deve ser a apresentação da sua marca e a captação de novos consumidores!

Os aplicativos só entram em cena quando a necessidade é oferecer novos diferenciais e funcionalidades aos consumidores, conforme abordarei no próximo item.

Quando optar pelo desenvolvimento de um aplicativo?

Priorizar o desenvolvimento de um aplicativo próprio é mais comum em startups ou modelos de negócio em que o sistema é parte fundamental da operação, mas isso não quer dizer que outras empresas precisam deixar de apostar nesse tipo de diferencial.

Por mais que a necessidade de baixar e cadastrar determinadas aplicações possa ser trabalhosa para alguns perfis de usuários, a possibilidade de usar funções recorrentes faz todo o esforço valer a pena!

Como o smartphone é um dispositivo de uso pessoal, a experiência por meio de um aplicativo pode ser muito mais direcionada e personalizada, aproveitando-se também de recursos próprios dos aparelhos para tornar o uso ainda mais completo, seja nas possibilidades da tela sensível ao toque ou ainda nas funções de interface.

Entre os principais diferenciais, está a possibilidade de disponibilizar conteúdo acessível até mesmo off-line, disparar avisos sobre ofertas ou informações, utilizar a localização GPS para personalizar as experiências, oferecer diferenciais como jogos personalizados, possibilitar a compra de produtos ou serviços, a realização de pedidos, entre inúmeras outras funções.  

Mesmo que o custo seja mais elevado que o dos sites, soluções móveis atendem a situações mais específicas e atuam como uma poderosa ferramenta de fidelização dos clientes, alinhando-se ao que existe de mais moderno em termos de comportamento e tecnologia!

O que mais levar em consideração na hora de fazer a minha escolha?

Agora que você já sabe quais são as principais finalidades e benefícios de cada tipo de plataforma, basta realizar uma análise minuciosa sobre o perfil do seu negócio e alinhá-lo aos objetivos que serão buscados com o seu site ou aplicativo.

Imagine que você é o dono de um restaurante, mas o grande foco da sua operação é o conforto do ambiente e o padrão de atendimento no local. Nesse caso, o mais recomendado seria um site em que os seus clientes possam conferir os seus diferenciais, consultar fotos, ler informações e até conferir algumas promoções!

Já se o foco das suas atividades for a entrega de refeições, um bom aplicativo pode ser a melhor escolha, pois o uso recorrente justifica a necessidade de download, as funções tornam-se mais práticas e novas funcionalidades podem ser exploradas, como o fechamento de pedidos ou até a geolocalização das entregas.

Como os dois meios possuem vantagens distintas, procure também complementá-los quando o seu posicionamento na web já for robusto, investindo parte dos seus esforços em cada tipo de plataforma.

O grande segredo é entender as necessidades da sua empresa e adequá-las ao melhor que a tecnologia pode lhe oferecer!

Deixe o seu comentário e tire as suas dúvidas! Estou ansioso para discutirmos sobre o tema.

O
VOLTAR
CONVERSE ONLINE COM UM CONSULTOrCadastre-se