by
Nicole Torres
28
06
de
February
September
de
2019
2019

A nova geração de empresas que também são plataformas!

Dentre todos os meios em que a tecnologia se manifesta e facilita o nosso dia a dia, o formato de plataformas é aquele que tem se tornado mais popular nos ambientes virtuais. Com a finalidade de agregar funções e padrões que melhorem a realização de determinadas tarefas, esse tipo de solução já pode ser encontrado em qualquer segmento do mercado, seja ele industrial, empresarial, de entretenimento, alimentício, entre muitos outros.A seguir, vou abordar não apenas como as plataformas já estão presentes no dia a dia do mercado, mas também como a sua concepção já pode abranger todas as frentes de atuação das próprias empresas!

O que são plataformas digitais e qual a sua relevância?Em termos práticos, as plataformas digitais funcionam como facilitadoras e até promotoras de relações entre empresas e clientes.Sua função básica é proporcionar, através de uma utilização fácil, rápida e intuitiva, a aquisição de serviços específicos, sempre com toda a segurança e confidencialidade necessárias no ambiente online.Ao digitalizar os processos, as plataformas são, acima de tudo, um meio de facilitar funções e solucionar problemas cotidianos que, antes do advento das novas tecnologias, exigiriam esforços imensos e extremamente caros para que tivessem esse grau de otimização. Cada vez mais, seu uso pode caracterizar uma parte fundamental de certos mercados, o que faz com que as empresas responsáveis por elas se tornem gradativamente mais avançadas e abundantes. Plataformas para a contratação de prestadores de serviços, por exemplo, podem ser indispensáveis para negócios que dependam da atuação de freelancers especialistas em suas áreas. Nesse caso, a empresa que gere a plataforma, como é o caso da própria Crowd, vê nessa tecnologia a sua função primária enquanto organização, pois só assim poderá oferecer um serviço confiável às demais empresas!Enquanto outros empreendedores utilizam o modelo de negócio para atender às suas demandas, os gestores da plataforma trabalham com a sua própria manutenção, através de atividades que envolvam marketing, programação, segurança, entre outras frentes importantes no negócio. Se, cada vez mais, as atividades mercadológicas são feitas em plataformas, é natural que suas estruturas se tornem mais robustas e novos investimentos sejam feitos em sua implementação, manutenção e evolução! Quais as principais plataformas do mercado contemporâneo?Para tornar mais claro o raciocínio sobre a relevância das empresas que se tornaram plataformas digitais, é possível mencionar uma série de exemplos que já são amplamente reconhecidos pelo mercado. A Yellow, por exemplo, é basicamente uma empresa que atua no compartilhamento de bicicletas e patinetes, mas seu modelo de negócio é todo baseado em um aplicativo que libera os veículos e permite sua utilização sem estação fixa, agregando muito mais agilidade e mobilidade à operação.A Uber tem um modelo bem parecido, mas ao invés de fornecer os meios de locomoção, sua atuação se dá na curadoria de motoristas autônomos, além do próprio aplicativo que os conecta aos passageiros. Em poucas palavras, a função da empresa é alimentar uma rede, e não necessariamente promover o serviço que será oferecido ao cliente final. Com a possibilidade de criar redes de profissionais, também surgiu a Gympass, em que diversas academias e centros fitness se cadastram para receber alunos de maneira esparsa que, por sua vez, precisarão pagar apenas uma mensalidade para realizar as atividades que desejarem em diferentes lugares, de acordo com as limitações do seu plano. Entre as plataformas, também seria impossível não citar a Netflix, que literalmente aposentou o conceito de locadoras e, através de uma simples plataforma online, tornou-se referência mundial em entretenimento. [caption id="attachment_53076" align="alignnone" width="7360"]

Man watching a film streaming online with popcorn, 3D glasses and clapboard, cinema and entertainment concept, flat lay[/caption]O sucesso do streaming foi tamanho, que inclusive grandes e tradicionais empresas já fazem o caminho inverso e estão se tornando plataformas para atender às necessidades do mercado, como é o caso da gigante Amazon, com a sua Amazon Prime Video, e a própria Disney, que nesse ano ainda lançará o Disney+.Muito além da mobilidade e do entretenimento, plataformas como a Udemy estão revolucionando a educação, aplicativos como o Spotify facilitaram o seu jeito de ouvir música, sites como o Ifood mudaram a forma como você pede comida e tecnologias como o Tinder alteraram até mesmo a maneira como você se relaciona! Dada a velocidade com que novos negócios surgem e com que essas tecnologias evoluem, seria impossível criar uma lista definitiva com todas as plataformas que hoje podem ser consideradas referência no mercado, mas os exemplos citados são uma excelente base para termos noção do quão diverso e promissor pode ser esse universo.E você, gostou de saber mais sobre como as plataformas estão tomando conta do mercado? Ficou com alguma dúvida ou tem algum complemento sobre o assunto? Então não se esqueça de deixar o seu comentário e contribuir com a nossa discussão!

O
VOLTAR
CONVERSE ONLINE COM UM CONSULTOrCadastre-se